00:02:33 Visualizações: 104

Abertura do 4º Simpósio Internacional de Arte Contemporânea

A poesia de Sophia de Mello Breyner Andresen, a propósito do centenário do seu nascimento, é o fio condutor da quarta edição do Simpósio Internacional de Arte Contemporânea – Cidade da Guarda que teve início no passado domingo, com a inauguração da exposição principal do Simpósio: “Terra herdada. Paisagens Legadas” da autoria de Pedro Cabrita Reis, Rui Chafes, José Pedro Croft e Zulmiro de Carvalho.

Guarda TV